10/03/2023

Apenas deixam fincados no chão, uma cruz com data de nascimento e passagem

Todos nós nascemos, crescemos e alguns reproduzem, chega o temível dia da passagem só com bilhete de ida, ou seja, alguns morrem por não acreditar na ressurreição, outros, tanto faz, nada para crê, assim, mesmo discordamos, cabe a nós respeitarmos, afinal há ateus melhores do que certos cristãos.

Todos nós nascemos, crescemos e alguns reproduzem, chega o temível dia da passagem só com bilhete de ida, ou seja, alguns morrem por não acreditar na ressurreição, outros, tanto faz, nada para crê, assim, mesmo discordamos, cabe a nós respeitarmos, afinal há ateus melhores do que certos cristãos.

A morte, por mais temível que pareça, chega dá uma dor profunda, pois o que fazíamos aqui neste plano terrestre, nada mais será feito. Acaba o orgulho, a avareza, a superioridade, a mania de grandeza e "riqueza" . Nada deixamos, a não ser uma cruz fincada com data de nascimento e morte, isto é, para os cristão católicos, protestantes não admitem, acham desnecessário o uso da cruz, também que o respeito seja mantido, afinal de conta, não importa o tamanho de sua fé, sua classe social, seja branco, pardo, negro, amarelo, o destino é um só.

Por fim, não há comunicação, nem transcomunicação. a não ser um aparelho que demônios que se passam por crianças e parentes, antigo desde o século passado para usar tal comunicação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *